A ORIGEM DOS RESIDUOS E A RESILIENCIA

  A ORIGEM DOS RESÍDUOS  E A RESILIÊNCIA  Adm. Volnei Alves Corrêa ‘Viva mais simplesmente para que os outros   possam simplesmente viver’.   Mahatma Gandhi CONSUMISMO O consumismo desenfreado teve sua origem na Revolução Industrial, onde a transformação artesanal existente passou a transformar-se em   fabricação em série. USA – produzem 170 mil pilhas/ minuto 106 mil latas e 60 mil sacolas plásticas descartadas, por segundo. 2 milhões de garrafas plásticas viram lixo em 5 segundos. 1 milhão de copos plásticos, apenas em voos comerciais no espaço aéreo americano, a cada 6 horas O resultado disto é que MAIS consumo, origina MAIS geração de resíduos. Consumindo MAIS temos  sobra de MAIS OBSOLETISMOS PROGRAMADO O obsoletismo programado acontece quando os produtos são substituídos em tempo recorde por outros mais modernos, muitas vezes desnecessariamente, sem políticas de reciclagem. Ex. Celulares, e a maioria dos produto eletroeletrônicos. Só Estados Unidos, 426 mil celulares saem de circulação diariamente. DESPERDÍCIO Sempre que compramos em excesso acabamos, aumentando o volume de resíduos.  Cada pessoa, numa cidade do interior, gera, em média, 600 gramas de resíduo /dia, sendo 60% orgânico e 40% inorgânico. Do inorgânico, apenas 10% é reaproveitado. Quase totalidade do orgânico é encaminhado para aterros. Com estas ações, os seres humanos, estão desrespeitando os limites da reposição natural do Planeta Terra. Dividindo a extensão da Terra pelo total da população mundial, haveria 1,8 hectares por pessoa. Cada indivíduo tem utilizado 2,2 hectares, resulta em 25 % a mais de consumo do que a capacidade do planeta. Ou seja, estamos precisando de um segundo Planeta para descartar nossos resíduos. SIGNIFICADO DE RESILIÊNCIA Resiliência é a capacidade de voltar ao seu estado natural, principalmente após alguma situação crítica e fora do comum. Em Latim: resiliens significa voltar ao estado normal, RESILIÊNCIA AMBIENTAL:  É a aptidão de um determinado sistema que lhe permite recuperar o equilíbrio depois de ter sofrido uma perturbação. RESILIÊNCIA NA PSICOLOGIA: É a capacidade de uma pessoa lidar com seus próprios problemas, vencer obstáculos e não ceder à pressão, seja qual for a situação. RESILIÊNCIA NA FÍSICA: é a propriedade dos materiais que acumulam energias, quando são submetidos a situações de estresse, como rupturas.  QUE É RESILIÊNCIA URBANA? É A CAPACIDADE DE INDIVÍDUOS, COMUNIDADES, INSTITUIÇÕES, EMPRESAS E SISTEMAS DENTRO DE UMA CIDADE DE SOBREVIVER, ADAPTAR-SE E CRESCER, INDEPENDENTE DOS TIPOS DE ESTRESSES CRÔNICOS E CHOQUES AGUDOS QUE VIVENCIAM.  AS TENSÕES CRÔNICAS INCLUEM: Falta de habitação a preços acessíveis; Desemprego em massa/alto, Pobreza/desigualdade, Infraestrutura envelhecida, poluição da água ou do ar, Seca e escassez de água, Crime e violência, Instabilidade social,  OS CHOQUES AGUDOS INCLUEM: Furacões, tornados, inundações, Ondas de calor, Acidentes com materiais perigosos, Surto de doença, etc.  OS SISTEMAS RESILIENTES, EXIBEM CERTAS QUALIDADES, QUE OS CAPACITA A RESISTIREM, RESPONDEREM E SE ADAPTAREM MAIS RAPIDAMENTE A CHOQUES E TENSÕES. Fonte: Pesquisa na internet  24 02 17 https://www.significados.com.br/resiliencia/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *